Comentários

Quando a Disney demitiu James Gunn após uma série de piadas ofensivas do diretor serem desenterradas no Twitter, um dos astros de Guardiões da Galáxia não ficou nada feliz.

Dave Bautista, o Drax, não teve papas na língua e atacou a Disney diretamente várias vezes no Twitter, chegando a dizer que abandonaria o filme se James Gunn não fosse trazido de volta.

Por fim, Gunn acabou sendo recontratado, e desde então Bautista ainda não se pronunciou sobre o assunto. Pelo menos até agora. Em entrevista ao Collider, Bautista finalmente quebrou o silêncio sobre sua relação com a Disney:


Eu nunca conversei com ninguém da Disney. Eu só falo com as pessoas da Marvel. E eles foram muito compreensivos sobre como estava me sentindo. James é meu amigo. Eu o amo. Ele ajudou a mudar minha vida e eu sei que ele é uma pessoa decente. Ele estava sendo atacado. E o que você faz quando seus amigos estão sendo atacados? Você os defende, ou você não é realmente um amigo.


Apesar de retornar para dirigir Guardiões da Galáxia Vol. 3, o filme ainda deve demorar a sair, já que primeiro James Gunn irá dirigir o novo Esquadrão Suicida para a DC. O cineasta acabou sendo contratado pela Warner enquanto estava desvinculado da Disney.



Comentários