Comentários

Durante sua participação na San Diego Comic-Con, Henry Cavill revelou alguns detalhes sobre como foi escolhido para “The Witcher“.

O ator, grande fã da obra, disse que atormentou seus agentes para conseguir um teste.

Após ter esse desejo atendido, Cavill percebeu que não seria nada fácil convencer os produtores. Para se ter uma ideia, outros 206 atores foram cogitados.

Um fator determinante na escolha, de acordo com a própria roteirista Lauren S. Hissrich, foi a voz de Cavill, mais imponente em comparação aos outros testados. Com a produção em andamento,

Cavill fez questão de “entrar na melhor forma física da vida”, e dispensou dublês em todas as cenas de ação, algo provado nas cenas exibidas no evento.

The Witcher | Assista ao trailer oficial da série

O elenco conta com Henry Cavill como Geralt, Anya Chalotra como Yennefer, Freya Allan como Ciri, Jhodi May como Rainha Calante, Mimi Ndiweni como a feiticeira Fringilla Vigo, Therica Wilson-Read como Sabrina, Millie Brady como Princesa Renfri, Adam Levy como Mousesack, Björn Hlynur Haraldsson como Rei Eist, e MyAnna Buring como Tissaia.

A trama gira em torno do bruxo Geralt (Henry Cavill), um caçador de monstros que se livra de enormes pestes por um bom dinheiro. Mutante, ele luta para encontrar seu lugar em um mundo no qual as pessoas frequentemente se mostram mais cruéis do que as criaturas que ele enfrenta. O bruxo também tem uma filha adotiva, a Ciri, personagem importante nos livros e jogos que também atua como uma guerreira e feiticeira.

Andrzej Sapkowski, autor das obras originais, vai atuar como consultor de roteiro. Tomasz Bagiński, que dirigiu os vídeos de apresentação dos três jogos da série de videogames, vai dirigir pelo menos um episódio da temporada de estreia. 

The Witcher estreia na Netflix ainda neste ano.



Comentários