Comentários

Desde que sua primeira temporada foi lançada – em março de 2017 – a série 13 Reasons Why é alvo de vários debates acerca de questões relacionadas a romantização do suicídio.

Enquanto muitos defendem que a série ajuda pessoas com com tendências suicidas a procurarem ajuda, outros acreditam que a romantização do tema encoraja ainda mais tais pessoas a cometerem o suicídio.

Um dos momentos mais controversos e que embasam a opinião do segundo grupo mencionado acima é a forte cena do suicídio de Hannah no começo da série. Pensando nisso, a Netflix anunciou hoje que, com a chegada da 3ª temporada em breve, essa cena será editada, e o suicídio não será mostrado de maneira explícita.

“Nós ouvimos de muitos jovens que 13 Reasons Why os encorajaram a iniciar conversas sobre questões difíceis como depressão e suicídio e a buscar ajuda – muitas vezes pela primeira vez. À medida que nos preparamos para a terceira temporada, ainda neste verão, estamos atentos ao debate em andamento em torno do programa. Assim, a conselho de especialistas médicos, incluindo a Dra. Christine Moutier, diretora médica da Fundação Americana para Prevenção ao Suicídio, decidimos com o criador Brian Yorkey e os produtores editar a cena em que Hannah tira a própria vida da primeira temporada.”

Uma caixa de sapatos é enviada para Clay (Dylan Minnette) por Hannah (Katherine Langford), sua amiga e paixão platônica secreta de escola. O jovem se surpreende ao ver o remetente, pois Hannah acabara de se suicidar. Dentro da caixa, há várias fitas cassete, onde a jovem lista os 13 motivos que a levaram a interromper sua vida – além de instruções para elas serem passadas entre os demais envolvidos.



Comentários