Comentários

Neil Gaiman é uma lenda viva e suas obras são itens obrigatórios para qualquer colecionador de quadrinhos. Abaixo, você pode seguir uma lista preparada para quem quer conhecer mais de seu trabalho.


Antes de continuar: Participe do nosso grupo de Whatsapp e receba ofertas diárias de Quadrinhos com desconto. Para participar, basta clicar aqui!



1 – Sandman

Se existe um trabalho que fará Gaiman ser lembrado pelos próximos 50 anos, com certeza será a sua épica série que foi de 1989 até 1996. Sandman traz a história de Sonho, um dos 7 perpétuos. Quem não leu, deve ler e devo dizer que é um item obrigatório na coleção de qualquer fã de Quadrinhos.

Sandman é uma das mais famosas e aclamadas obras dos quadrinhos de todos os tempos. Ela conta a história do Sonho, que governa supremo em suas terras. A série teve 75 edições e acabou quando Gaiman deixou o título. Ela acabou se tornando um dos grandes marcos do selo Vertigo. A série ficou na lista dos mais vendidos do New York Times, ao lado de Watchmen e O Cavaleiro das Trevas.

Você pode encontrar o título, com desconto, clicando aqui.


2 – Coraline

Esta é uma história assustadora… mas assustadora como alguns contos de fadas e mitos. Coraline é considerada uma obra para jovens, mas não deixe que isso desenvolva um preconceito pelo livro. A obra já ganhou um Hugo Award, um Nebula Award, um Bram Stroker Award. Ou seja, é algo realmente bom. O livro conta a história de uma garota que encontra uma porta e decide explorar o que tem do outro lado. O que ela encontra é algo triste e assustador. Coraline batalha para voltar para casa e isso vai te deixar sem fôlego. Esta é uma história que tem o tom de contos de fadas, mas que o estilo de Gaiman vai acabar te surpreendendo.

Existe uma versão em graphic novel, que pode ser encontrada aqui.


3 – Morte: Edição Definitiva

Jovem,linda, pálida, gótica e… alegre? A Morte imaginada por Neil Gaiman veio para revolucionar nosso conceito (e preconceito) a respeito da Ceifadora. A irmã mais velha de Morfeus ganhou uma roupagem contemporânea e um conceito arrebatador para nascer como coadjuvante e roubar a história, tornando-se protagonista de duas minisséries e outras HQs, além de ter participação de destaque na série de seu irmão! Esta Edição Definitiva reúne pela primeira vez no Brasil todas as histórias estreladas pela personagem, incluindo O Som de Suas Asas (primeira aparição) e Fachada, publicadas originalmente em Sandman; as minisséries O Alto Preço da Vida e O Grande Momento da Vida; e as histórias Um Conto de Inverno (Vertigo Winter’s Edge 2), A Roda, Morte e Veneza (Noites Sem Fim) e A Morte Fala da Vida, uma HQ educativa sobre sexo seguro. Além de roteiros de Neil Gaiman, a edição tem artes de Chris Bachalo, Mark Buckingham, Mike Dringenberg, P. Craig Russell, Dave McKean e mais! Como extras, a edição traz o roteiro de Sandman 8; uma imensa galeria de pin-ups e diversas informações sobre colecionáveis da Morte que todos gostaríamos de encontrar um dia!

Você pode comprar o livro, clicando aqui. 


4 – Violent Cases

Esta foi a primeira colaboração de Gaiman com Dave McKean. Na obra, o narrador lembra eventos de sua infância em Portsmouth, onde ele foi levado por seu pai para ser tratado por um osteopata, que já trabalhou para Al Capone. Violent Cases é um estudo sobre a relação entre a memória e a imaginação, com o narrador lembrando de coisas que ele era muito jovem para entender na época. Uma obra sensacional.

Você pode encontrar o título, clicando aqui.


5 – A Última Tentação

Neil Gaiman se envolveu em diversos projetos, entre eles, temos “A Última Tentação”, baseada em um álbum de Alice Cooper. A obra é ilustrada por Michael Zulli, trazendo um garoto chamado Steven, que conhece um showman e seu teatro (o cara é o próprio Alice Cooper). Porém, ele não imagina que está entrando em um verdadeiro pesadelo. É uma obra que tem o verdadeiro espírito do Halloween.

Você pode encontrar o título, clicando aqui.


6 – Mistérios Divinos

Com arte de Craig Russel, a obra traz a adaptação de uma fascinante história curta sobre um assassinato entre os anjos, que gera uma investigação divina. Temas como amor, vingança, morte e propósito são abordados aqui. Um trabalho imperdível.

Você pode encontrar o título, clicando aqui.


7 – Livros da Magia

Qualquer um que ler esta obra, logo verá semelhanças entre o protagonista Tim Hunter e o famoso bruxo Harry Potter. Entretanto, esta é uma série mais profunda. Vale dizer que Gaiman esteve envolvido apenas na minissérie inicial, colocando vários guias e feiticeiros da DC Comics para servirem de mentores para o garoto. A série é bastante recomendada para qualquer fã de Neil Gaiman. A Panini já publicou um encadernado reunindo a minissérie. Resta torcer para que o resto da série seja republicada por aqui.

Você pode encontrar o título, clicando aqui.


8 – Miracleman

Depois da run de Alan Moore, Neil Gaiman assumiu o título nos anos 90. O estilo da série muda, Gaiman escreveu histórias diferentes e que são mais concentradas em personagens menores, algo que os fãs de Sandman verão como uma marca do autor. Por causa de vários problemas, Gaiman deixou o título na edição 24 (quando a editora Eclipse pediu falência). Em 2013, foi o retorno de Gaiman para a obra.

Você pode encontrar o título, clicando aqui.


9 – Orquídea Negra

Nesta obra, temos uma atualização de uma personagem da DC Comics proveniente da Era de Prata. Possuindo poderes similares aos do Monstro do Pântano. A HQ possui participações de Batman, Hera Venenosa e o Monstro do Pântano. Esta pode ser considerada a série antecessora de Sandman, dada a atmosfera criada por Gaiman, seguindo uma linha mais parecida com o seu trabalho autoral. A arte de McKean é essencial neste trabalho, complementando a reclusão emocional da heroína.

Você pode encontrar o título, clicando aqui.


10 – Marvel 1602

Apesar de ter sido escrita para financiar sua briga judicial com Todd McFarlane pela autoria de alguns personagens, este título acaba sendo uma ótima obra. Neil Gaiman usa seu conhecimento dos personagens Marvel e reinterpreta personagens conhecidos (tais como Quarteto Fantástico, X-Men, Capitão América, Demolidor e outros) para criar um novo universo (vale dizer que a história se passa em uma Europa paralela), onde os personagens vivem no ano de 1602. É uma HQ interessante e descompromissada. A arte é de Andy Kubert.

Você pode encontrar o título, clicando aqui.


11 – Eternos

Assim como fez por Sandman, Neil Gaiman tentou dar uma nova vida para a criação de Jack Kirby, Os Eternos. O grupo foi criado pelos Celestiais, seres cósmicos do Universo Marvel. Gaiman preferiu seguir uma abordagem mítica, mais similar aos seus trabalhos. Entretanto, a série recebeu críticas mistas, se tornando um de seus trabalhos mais controversos. A arte da HQ é feita por John Romita Jr.

Você pode encontrar o título, clicando aqui.


12 – Deuses Americanos

Deuses Americanos é o livro mais famoso e mais influente de Neil Gaiman. Ele combina elementos originários de uma análise da cultura e identidade americana com fantasia urbana. O livro brinca com a ideia de que as crenças dos americanos foram alteradas, tanto por causa do processo de imigração, quanto pelo desenvolvimento tecnológico. Os deuses só existem porque as pessoas acreditam neles, porém, as pessoas esqueceram da fé e das práticas, substituindo os deuses por suas necessidades e desejos. Os novos deuses americanos são diferentes daqueles que conhecemos nos livros. Em uma entrevista, Gaiman disse que o livro é uma celebração das coisas que ninguém para para refletir. Um ótimo livro, que irá mudar a sua visão de crença e hábitos.

Você pode encontrar o título, clicando aqui.


13 – Batman: O Que Aconteceu ao Cavaleiro das Trevas?

Durante a run de Grant Morrison, Batman, o Cavaleiro das Trevas, foi dado como morto. E antes que ele tivesse seu funeral, Neil Gaiman escreveu uma verdadeira carta de amor ao personagem. O resultado é espantoso e traz uma obra estranha e diferente para o gênero de super-heróis.

Você pode encontrar o título, clicando aqui.


14 – Mr. Punch

Com um estilo mais bizarro da arte de Dave McKean, Gaiman apresenta um homem que é assombrado por sua infância. Assim como em Violent Cases, esta é uma história sobre histórias, com temas perturbantes como a percepção que temos quando somos crianças. A natureza da memória também é abordada e realmente te fará apreciar este trabalho.

Você pode encontrar o título, clicando aqui.


15 – Sinal e Ruído

Uma obra emocionante, onde conhecemos um diretor que possui uma doença terminal e tenta criar o filme que ele sempre quis. Entretanto, ele usará sua família e amigos como elenco. Esta obra é, ao mesmo tempo, inspiradora, triste e bonita. A arte é de Dave McKean.

Você pode encontrar o título, clicando aqui.


16 – Dias da Meia Noite

Esta é uma compilação de várias histórias curtas de Neil Gaiman, incluindo personagens como John Constantine, Monstro do Pântano e o Sandman da Era Dourada. Essencial para os fãs do selo Vertigo da DC Comics.

Você pode encontrar o título, clicando aqui.



Comentários