Comentários

Em entrevista ao Boston Herald, Charlie Hunnam (Sons of Anarchy) comentou sobre como reagiu ao fracasso de “Rei Arthur – A Lenda da Espada“.

Com orçamento estimado em US$ 175 milhões, a produção conseguiu arrecadar apenas US$ 148 milhões.

“Certamente tive que aguentar mais fracassos do que sucessos na minha carreira. Isso faz você desenvolver uma pele mais grossa. No fim, me sinto muito sortudo em poder fazer o que eu amo, que é atuar em filmes. Sou uma pessoa orientada pelo processo do filme. Quando (o filme) está chegando aos cinemas, sinto muito pouca identificação com ele. Realmente não tenho mais nada em jogo para celebrar ou lamentar.”

Disse.

“Obviamente, quando (o público) odeia e não faz uma boa bilheteria, é uma droga, mas não tem muito efeito em mim. O único efeito que tive foi que precisei fazer muitos eventos de imprensa, por quase 6 semanas. Você fica imerso na experiência de tentar vender um produto,”

Rei Arthur – A Lenda da Espada também contou com Djimon Hounsou, Jude Law, Eric Bana e Aidan Gillen no elenco.

A direção foi de Guy Ritchie.



Comentários