Comentários

Quando Esquadrão Suicida chegou aos cinemas no ano passado, muitos fãs ficaram desapontados com a grande ameaça do filme ser Magia (Cara Delevingne) ao invés do Coringa (Jared Leto). Na verdade, o diretor do filme também lamenta essa escolha.

David Ayer respondeu no Twitter um comentário do ator Norman D. Golden II, que havia assistido ao filme na TV e disse ter gostado bastante. O diretor disse então que é um filme bobo, porém muito divertido, e que seria muito melhor recebido se tivesse feito algumas coisas diferentes. Nesse momento, um fã aparece na conversa e diz que o Coringa deveria ter sido o vilão, citando ainda a animação “Batman: Assalto em Arkham“. E Ayer concorda completamente.

“Acredite em mim. Eu fico em agonia com isso. Sim. O Coringa deveria ter sido o vilão principal.”

Essa não foi a primeira vez que Ayer expressou seus arrependimentos em relação ao Coringa. No início deste ano o diretor respondeu a um fã que isso é algo que ele definitivamente gostaria de mudar.

“Queria ter uma máquina do tempo”, escreveu Ayer na ocasião. “Eu faria do Coringa o vilão principal e faria uma história mais pé-no-chão.”



Comentários