Comentários

A Netflix domina a indústria de streaming há anos, tornando-se quase sinônimo da ideia de streaming em si. Hulu, Amazon Prime e alguns outros serviços vem tentando competir com a empresa, mas nenhum deles realmente fez uma diferença significativa contra a gigante do streaming. Porem, isso agora pode mudar com o lançamento do Disney+, que em apenas 24 horas conseguiu mais de 10 milhões de assinantes.

Mas para o Diretor Criativo da Netflix, Ted Sarantos, não há motivo para alarde. Enquanto falava no Paley Center’s International Council Summit, em Nova York, ele declarou o seguinte:

Temos competido com a Disney e com todos esses outros que estão aí, desde o início. Para nós, nada muda. Sempre pensamos primeiro nos clientes e não nos distraímos com concorrência. Já sabíamos que em algum momento todos entrariam nesse negócio.”

Sarandos ainda criticou a demora da Disney, Warner e outras empresas em entender o potencial do mercado de streaming.

Estou francamente surpreso que a Disney e alguns outros tenham demorado tanto para seguir por esse caminho. Essas empresas que foram criadas para produzir e vender conteúdo para outras pessoas podem realmente ganhar mais dinheiro ou se sair melhor nos negócios, vendendo-o diretamente ao consumidor? É uma aposta difícil.”

A Disney tem muitas marcas poderosas em sua lista, com franquias como Star Wars, Marvel e Pixar. Essas propriedades são facilmente o seu maior atrativo, mas Sarandos argumenta que esses nomes importantes podem na verdade atrapalhar a Disney a longo prazo. Ele acredita que o Disney+ pode “se perder dentro desses mundos“, criando conteúdo apenas para os fãs dessas franquias.



Comentários