Comentários

A Eletronic Arts é uma das maiores desenvolvedores de games da indústria, mas nos últimos anos ganhou uma tremenda má fama entre os jogadores.

A empresa hoje é conhecida por medidas controversas, mau aproveitamento de propriedades intelectuais, sequências repetitivas, lançar jogos apressadamente e, é claro, pelas infames microtransações que se tornaram a maior base do seu negócio.

Porém, em conversa com o GameIndustry, o vice-presidente de crescimento da EA, Matt Bilbey, disse não entender o motivo da imagem negativa que a empresa ganhou.


Estou há 25 anos na EA e ainda tenho dificuldades em entender essa noção externa de que somos um bando de pessoas ruins. Adoramos criar e jogar jogos. Infelizmente, quando cometemos erros, o mundo todo fica sabendo devido ao tamanho e escala.”


Recentemente, a EA esteve envolvida em uma enorme polêmica com Anthem, um jogo da Bioware que foi lançado com uma série de bugs e problemas, sendo o mais grave deles um que acontecia no PS4. Diversos usuários relataram que o jogo fazia os consoles travarem, encerrando a aplicação e, no pior dos casos, inutilizando para sempre os dispositivos.



Comentários