Comentários

Mysterio, um dos personagens mais antigos das histórias do Homem-Aranha, será apresentado ao grande público dos cinemas pela primeira vez na semana que vem, quando estreia Homem-Aranha: Longe de Casa. Até agora, o misterioso novo aliado interpretado por Jake Gyllenhaal não revelou muito por trás de seus motivos e planos nos trailers, mas aqueles familiarizados com o material de origem sabem muito bem o que ele pode representar para o Homem-Aranha.


Afinal, quem é Mysterio nos quadrinhos?

Mysterio apareceu pela primeira vez em Amazing Spider-Man #13, criação de Stan Lee e Steve Ditko. Ele só apareceria mais duas vezes antes de Ditko deixar o título, como antagonista central na 24ª edição e membro fundador do Sexteto Sinistro em Amazing Spider-Man Annual #1.

Ditko e Lee apresentaram Mysterio como Quentin Beck, um dublê interessado na área de efeitos especiais, que voltou-se para o crime e criou uma obsessão pelo Homem–Aranha. Beck não possui habilidades sobre-humanas, e é apenas um especialista em efeitos especiais e ilusões de palco. Além é claro de hipnotizador, mágico, químico e roboticista. Apesar de não ser exatamente um lutador, ele consegue se sair bem contra o Homem-Aranha, graças às técnicas de luta corpo-a-corpo aprendidas em sua época como dublê.
Suas ilusões são criadas graças a uma mistura de hipnógenos e alucinógenos, além de projeções holográficas.

Histórico

O histórico de Mysterio nos quadrinhos é basicamente recheado de versões diferentes de sua primeira aparição. Porém, seu momento mais marcante não está nas páginas do Homem-Aranha, e sim nas de outro herói da Marvel, o Demolidor – um encontro que levou à sua aparente “morte”.

Quentin Beck havia saído da prisão devido a um diagnóstico de câncer terminal causado por sua exposição regular a produtos químicos perigosos como Mysterio. Após seu plano final ser desfeito pelo Demolidor, ele comete suicídio. Sua aparição mais recente em Amazing Spider-Man (vol. 5) #24 sugere que ele realmente morreu ao confrontar o Demolidor, mas foi sobrenaturalmente revivido.

Outro importante momento do personagem nos quadrinhos, esse mais recente, foi quando descobriu a existência do universo Ultimate, matando Wilson Fisk e tornando-se o Rei do Crime de lá. Foi graças a essa descoberta que Peter Parker encontrou Miles Morales pela primeira vez, na história Homens-Aranha.

Melhores Histórias

A Ameaça de Mysterio: The Amazing Spider-Man (vol. 1) #13: Existe uma razão pela qual tantos dos vilões mais icônicos do Homem-Aranha tenham aparecido em suas primeiras edições. Duas razões na verdade: Steve Ditko e Stan Lee. Como tantas outras da dupla, essa edição é um clássico de sua época, apresentando um novo antagonista, múltiplos desafios e uma conclusão satisfatória com muito drama entre os dois.

Diabo da Guarda: Daredevil (vol. 2) #1-8: Mysterio mergulhou brevemente nas páginas do Demolidor para um novo desafio e uma de suas histórias mais lembradas. Aqui, um Mysterio mais diabólico do que nunca coloca Matt Murdock no fundo do poço com direito a muita tortura psicológica (e algumas batalhas muito reais com outros vilões). Um dos grandes momentos do personagem.

O Velho Logan: Wolverine (Vol. 3) # 70: A quinta edição de O Velho Logan traz grande destaque para Mysterio, pois mostra o quão aterrorizante ele pode ser. Esta é a história de origem da versão de “Velho Logan” de Wolverine, e revela que foi Mysterio, e não Dentes-de-Sabre ou Magneto, que deu ao icônico X-Man o pior momento de sua vida.

Mysterioso: The Amazing Spider-Man (vol. 1) #618-620: Essa história mais recente, parte do enredo maior de “The Gauntlet”, mostra Mysterio de forma mais elegante em um conto de fácil acesso e entendimento. O artista Marcos Martin faz muitas ilusões de Mysterio nas páginas, fornecendo aos leitores visuais incríveis. É uma ótima história de Mysterio e um ponto de partida perfeito para qualquer novo leitor de quadrinhos.

Aparições em outras mídias

Spider-Man: The Animated Series: A adaptação animada do Homem-Aranha de 1994 continua sendo uma série muito querida pelos fãs do Homem-Aranha até hoje, pela forma como adaptava os vilões e tramas dos quadrinhos de forma acessível e até certo ponto fiel. Mysterio era um vilão recorrente no programa, assim como ele havia sido durante muitos anos de histórias em quadrinhos.

Spider-Man: Shattered Dimensions: Mysterio é o antagonista principal do game que pensou em reunir vários Homens-Aranha muito antes de Homem-Aranha no Aranhaverso. É ele que impulsiona o caos multiversal que move a trama. Este jogo deixou claro que Mysterio não era apenas um vilão de segunda classe, mas um gênio que poderia realmente ser uma grande ameaça em um filme.

Ultimate Spider-Man: Em uma das mais recentes adaptações animadas do Homem-Aranha, Mysterio foi um personagem muito mais simpático. No série, ele é um velho inimigo do Homem-Aranha, mas que perdeu sua alma em uma de suas batalhas. A aventura nesta série se concentra em um arco de resgate para Mysterio, proporcionando-lhe um final feliz, algo excepcionalmente raro para os vilões. Pode ser um bom presságio para a versão cinematográfica de Mysterio também.

Preparados para conhecer a versão cinematográfica de Jake Gylenhaal? Será ele amigo ou inimigo? Falta bem pouco para sabermos. Homem-Aranha: Longe de Casa chega aos cinemas na próxima semana, em 4 de julho. 



Comentários