Comentários

Já disponível nos EUA, Disney+ está recheado de produções da Marvel, mas as principais ausências ficam por conta dos filmes do Homem-Aranha estrelados por Tom Holland. Isso acontece porque os direitos de exibição continuam com a Sony Pictures.

De acordo com Aaron Couch, no entanto, é uma situação que pode mudar. O jornalista do The Hollywood Reporter diz que a plataforma está trabalhando para ter esses filmes no catálogo em um futuro próximo.

Infelizmente, uma previsão ainda não foi dada.

No Brasil, é esperado que Disney+ chegue apenas em novembro de 2020, algo que rendeu um movimento nas redes sociais chamado “#BrazilWantsDisneyPlus” (Brasil Quer Disney Plus).

Para se ter uma ideia, essa hashtag chegou até os trending topics do Twitter.

“Peter Parker retorna em Homem-Aranha: Longe de Casa, o próximo capítulo da série Homem-Aranha: De Volta ao Lar! Nosso simpático super-herói amigão da vizinhança decide se juntar a seus melhores amigos Ned, MJ e o resto da turma em férias na Europa.

No entanto, o plano de Peter de deixar seus atos super-heroicos para trás por algumas semanas é rapidamente descartado quando ele a contragosto concorda em ajudar Nick Fury a descobrir o mistério por trás de vários ataques de criaturas elementais, causando estragos em todo o continente!”

Homem-Aranha: Longe de Casa conta novamente com Jon Watts na direção. Tom Holland reprisa seu papel como Peter Parker/Homem-Aranha, e no elenco de apoio temos os retornos de Zendaya como MJ e Marisa Tomei como Tia May.

Jake Gyllenhaal foi escalado como o vilão Quentin Beck, também conhecido como Mysterio, um clássico inimigo do Homem-Aranha nos quadrinhos.



Comentários