Comentários

Tempos drásticos exigem medidas drásticas, e um novo relatório do The Wrap sugere que a Warner pode tomar sua mais importante decisão desde que a pandemia de coronavírus começou a afetar com força a indústria cinematográfica.

O site informa que o presidente da Warner Pictures, Toby Emmerich, já começou a conversar com seus principais consultores sobre a possibilidade de mudar o lançamento de Mulher-Maravilha 1984, em 4 de junho, diretamente para o digital – como a Universal começou a fazer com seus lançamentos no início da semana.

Em Mulher-Maravilha 1984, a Princesa Amazona irá enfrentar Maxwell Lord e Mulher-Leopardo, vilões interpretados por Pedro Pascal e Kristen Wiig.

Patty Jenkins retorna como diretora, co-roteirista e produtora, e a equipe criativa é completada por Dave Callaham (Os Mercenários) e Geoff Johns (Stargirl).



Comentários