Comentários

O fim de semana chegou e, juntamente com ele, a hora de dedicar algumas das horas vagas do dia ao conteúdo da Netflix.

Naturalmente, o serviço de streaming adicionou mais séries e longas-metragens ao seu catálogo na última semana e nesta lista abordamos alguns dos mais interessantes que chegaram à plataforma recentemente – para o caso de você ter perdido algum deles.

Desventuras em Série – Segunda Temporada

Grande estreia da semana, a segunda temporada deste bem-sucedido programa original da Netflix aborda a jornada dos irmãos Baudelaire encontrando caminhos ainda mais lastimáveis e desastrosos quando malvado e aparentemente imparável Conde Olaf (Neil Patrick Harris) retorna para assombrá-los.

A primeira temporada da série depressivamente divertida estreou no começo do ano passado e recebeu elogios ao recontar os eventos dos livros de Lemony Snicket com fidelidade.

Existem planos para pelo menos mais um ano e é esperado que o serviço de streaming o produza.

Cabo do Medo, de Martin Scorsese

Neste clássico dirigido por Martin Scorsese, o grande Robert De Niro retrata um criminoso sádico que, após permanecer por mais de uma década na cadeia por ser condenado por estupro, parte em busca de vingança contra seu advogado de defesa (Nick Nolte). 

É estranho que Cabo do Medo esteja nesta lista porque você certamente o avisto no catálogo outras vezes, mas o longa havia sido excluído e, agora, retornou.

É sua chance de assistir novamente e/ou conferir pela primeira vez.

Crazy Ex-Girlfriend – Terceira Temporada

Nesta série de TV criada e estrelada por Rachel Bloom, uma advogada (Bloom) abandona sua vida em Nova York para morar na Califórnia e reconquistar o namorado que lhe desprezou no passado. 

Em atividade desde 2015, a produção é um dos maiores sucessos de audiência da CW – canal que também transmite grande parte das séries da DC.

Olhos da Justiça, de Billy Ray

Nesta refilmagem do cultuado O Segredo dos Seus Olhos, da Argentina, um agente do FBI investiga o brutal assassinato da filha de uma colega de trabalho para, mais de dez anos depois, descobrir uma pista que revela uma verdade horrível sobre o que aconteceu.

O elenco é marcado por grandes estrelas como Chiwetel Ejiofor, Nicole Kidman e Julia Roberts, mas a recepção acabou sendo bastante divisiva com crítica e público.

O Titã, de Lennart Ruff

Comandada pelo praticamente iniciante Lennart Ruff, esta produção original do serviço de streaming acompanha um soldado (Sam Worthington) que passa por uma transformação genética para salvar o resto da humanidade; com isto, sua esposa (Taylor Schilling) teme que ele esteja se tornando mais monstro do que humano.

Trata-se de mais uma investida da Netflix em sentido cinematográfico, mas suponho que desta vez eles tenham apostado menos fichas, porque, pessoalmente, sequer havia ouvido falar deste longa antes de preparar esta lista.

O Vingador do Futuro, de Len Wiseman

Esta refilmagem repensa o clássico de 1990 em um tom mais realista e aborda o ponto de vista de um operário (Colin Farrell) quando ele começa a suspeitar que é, na verdade, um espião – tudo isto depois de visitar uma empresa que implanta memórias falsas nas pessoas para que elas tenham a vida que gostaria.

A direção é de Len Wiseman, conhecido pela franquia Anjos da Noite e por ter comandado um dos capítulos de Duro de Matar.

Yu-Gi-Oh! – Terceira e Quarta Temporada

Quem não se lembra de Yu-Gi-Oh!?

O anime se tornou sensação com os jovens no mundo todo ao comercializar baralhos colecionáveis e agora suas temporadas completas chegam aos poucos ao serviço de streaming.

A história é simples e envolve grandes duelos de cartas protagonizados pelo tímido Yugi Moto e seu alter ego sombrio e poderoso.

Colombiana: Em Busca de Vingança, de Olivier Megaton

Friamente recepcionado pela crítica em 2011, Colombiana: Em Busca de Vingança estrelou Zoë Saldaña como uma impiedosa assassina que busca vingança contra a máfia anos depois da morte de seus pais.

O desenvolvimento do roteiro teve participação do diretor Luc Besson, que é mundialmente conhecido por obras como O Quinto Elemento e O Profissional.



Comentários