Comentários

Exibido originalmente em 2017, “Crise na Terra-X” quase foi o último evento do DC TV, de acordo com Marc Guggenheim. O produtor concedeu entrevista ao portal da Entertainment Weekly e contou alguns dos desafios do desenvolvimento.

“No caso de Terra-X, era algo que já havia estabelecido nas séries animadas, que são parte do cânone do DC TV. Então, pensamos em usar a mesma ideia dos doppelgängers (semelhantes) nesse evento.”

Disse.

“A produção nos matou. Um ano depois, ainda estávamos sentindo os efeitos da dificuldade de algo tão grande. O canal, CW, realmente precisou convencer a todos para que esse conceito continuasse. Existia um grande esgotamento. Respondemos algo como, ‘Será que podemos descansar por um ano e então depois voltar com Crise nas Infinitas Terras?‘ E eles falaram, ‘Não se preocupem. Esse próximo evento não precisa envolver todas as séries. Façam algo de três horas.‘ “

Depois dessa reunião, surgiu a ideia de “Elseworlds“, que contou com as chegadas de Monitor e Batwoman, além é claro das primeiras pistas de Crise nas Infinitas Terras.

“O casamento de Iris e Barry reúne a equipe, mas as coisas vão mal quando os vilões da Terra-X atacam a cerimônia. Todos os super-heróis se juntam com a ajuda de seus super amigos como Cidadão Frio (estrela convidada Wentworth Miller), Ray (estrela convidada Russell Tovey), Felicity Smoak (estrela convidada Emily Bett Rickards), Iris West e Alex Danvers (Chyler Leigh) para derrotar os vilões. Arqueiro Verde (estrela convidada Stephen Amell), Supergirl (Melissa Benoist), Flash (estrela convidada Grant Gustin) e Canário Branco (estrela convidada Caity Lotz) lideram suas equipes na batalha para salvar o mundo.”

Diz a sinopse oficial de Crise na Terra-X.



Comentários