Comentários

tronodediamante_ovicio

Sinopse:

Após dez anos de exílio, Sir Sparhawk, cavaleiro da Ordem Pandion, retorna a Elenia e encontra sua terra natal imersa em sombras. O inescrupuloso Annias, primado da Igreja e membro do Conselho Real, manipula o débil príncipe regente para governar de fato, visando seus próprios interesses. A legítima soberana, Ehlana, acometida por uma estranha doença, jaz adormecida em seu trono, protegida por uma barreira de cristal. Graças a um poderoso feitiço, seu coração ainda pulsa, mas ela não resistirá a menos que uma cura seja encontrada antes que transcorra um ano. Sparhawk parte, então, em uma busca obstinada para salvar sua rainha e seu reino, travando uma luta incessante contra o tempo, as autoridades vigentes e toda sorte de perigos – reais e sobrenaturais. Nessa jornada de luz e sombras, ele contará com a ajuda de seus irmãos de armas, de seu escudeiro fiel, de uma feiticeira, de um jovem ladrão e de uma misteriosa menininha, cujas origens são desconhecidas.

Resenha:

O Trono de Diamante é o primeiro livro da trilogia Elenium. David Eddings é um autor já conhecido pelos fãs de Fantasia. A editora Aleph me surpreendeu bastante ao lançar este título. Já era curioso sobre esta obra e tive a chance de ler e resenhar. Vale mencionar que além de Elenium, a jornada continua na trilogia Tamuli, então temos uma boa porção de livros pela frente.

Aqui acompanhamos Sir Sparhawk em uma jornada para encontrar uma joia mágica para salvar sua rainha Ehlana. Retornando do exílio, Sir Sparhawk vê sua terra natal sendo ameaçada pelo mal. A rainha está presa em um bloco de cristal e irá morrer se uma cura não for encontrada dentro de um ano. Sparhawk, Sephrenia, Flute e outros aliados agora tem que correr para poder salvar a rainha Ehlana e seu reino.

Sparhawk é um cavaleiro áspero, mas mesmo assim um personagem amável. Junto de Kalten, Sephrenia, Flute e outros personagens, temos um elenco interessante que ajudam a tornar a leitura mais interessante. Quase mágica.

A melhor maneira de descrever o livro é como uma leitura prazerosa. A narrativa é forte e detalhada o bastante para criar um mundo crível em que os personagens podem se desenvolver. O livro é bem humorado e tudo é baseado na clássica luta do bem contra o mal com o destino do mundo por um fio.

Eddings é bem honesto quando ele estabelece que fórmula ele irá seguir ao decorrer do livro. Isso não é um defeito, longe disso, só ajuda a criar um ambiente ainda mais confortável para o leitor.  Este é um livro que pode ser recomendado para todas as idades. Vale a leitura!

Garanta o seu livro aqui!



Comentários