Comentários

Na semana passada, vazou na internet o roteiro do Episódio IX de Star Wars, por Colin Trevorrow. O diretor seria responsável pelo filme, intitulado “Duel of the Fates“, até que entrou em divergência com a Lucasfilm e foi substituído por J.J. Abrams.

Agora, algumas artes conceituais do roteiro de Trevorrow surgiram na internet, e podemos ver alguns detalhes muito interessantes, como o sabre de luz de Rey, a batalha de Kylo Ren contra a ilusão de Darth Vader e o monstruoso mestre Sith Tor Valum.

Confira:

O Fantasma da Força de Luke Skywalker continuaria treinando Rey nesta versão do filme, e eles podem ser vistos aqui em um planeta chamado Koralev.


Usando seu novo sabre de luz de lâmina dupla, Rey derrota vários Stormtroopers da Primeira Ordem a bordo de um Star Destroyer. Ela parece estar cedendo a alguns impulsos mais sombrios, com base em sua vestimenta.


Parece que a Capitã Phasma seria incluída no Episódio IX de Colin Trevorrow, e ela é mostrada aqui executando o membro da Resistência Bisc Kova em Coruscant, enquanto o povo assiste.


A Millennium Falcon voa por um planeta chamado Bonadan, onde Poe Dameron teria levado a equipe até o seu avô (o papel desempenhado por esse personagem não fica claro).


Temos ouvido muito sobre a Knife-9, uma nave que seria pilotada pelos Cavaleiros de Ren. Bem, aqui está ela em toda sua glória, enquanto persegue Poe e Rey, que fogem com um Razer Sail pelas águas de Bonadan.


Kylo Ren procuraria um antigo mestre Sith que ensinou ao Imperador Palpatine muito do que ele sabia, e seu nome era Tor Valum. Bem, aqui está ele, e é justo que ele seria horripilante.


Kylo Ren luta contra Darth Vader nesta cena, que seria semelhante à sequência da caverna em O Império Contra-Ataca. Inclusive, Ren criaria uma nova máscara usando uma armadura Mandaloriana, que vislumbramos aqui.


A outrora orgulhosa cidade de Coruscant agora é a fortaleza da Primeira Ordem, e faz todo o sentido que eles se estabeleçam lá, com base em como o Imperador Palpatine usou a capital como seu lar.


A força motriz do filme de Trevorrow teria sido a Resistência tentando enviar um sinal para o resto da Galáxia, com uma mensagem de Leia reunindo-os à sua causa para ajudá-los a parar a Primeira Ordem. Aqui, nós os vemos tentando enviá-lo.


R2-D2 e C-3PO percorrem as ruas de Coruscant e é claro que a cidade caiu em ruínas graças à Primeira Ordem. Na verdade, é praticamente irreconhecível em comparação com a versão que vimos nos prequels de George Lucas.


Finn lideraria uma rebelião em Coruscant, dando a ele um arco de história muito mais satisfatório como resultado. Aqui, podemos vê-lo levar contra a Primeira Ordem, com a ajuda daqueles que vivem na cidade.


Depois que Rey rastreia Kylo Ren até Mortis, ela se depara com uma criatura enorme e, sem dúvida, faz bom uso de seu novo sabre de luz de lâmina dupla (seu bastão original foi combinado com os restos do sabre de luz de Luke Skywalker).


Os que vivem em Coruscant se refugiaram sob o antigo templo Jedi e as ruas da cidade. Usando armas antigas do Império, eles criaram um exército de AT-STs antigos para tentar tomar seu lar de volta da Primeira Ordem.


E aqui estão eles em ação! Parece que os cidadãos de Coruscant realmente vestiriam as antigas armaduras imperiais de Stormtrooper, o que faz sentido, pois oferece a eles alguma proteção contra o ataque da Primeira Ordem.


Uma batalha como essa teria sido incrível de se ver, e Finn acenando com a bandeira teria sido um grande momento para ele, além de provavelmente um pouco mais emocionante do que querer contar algo a Rey o filme inteiro – que acabou nunca contando.


R2-D2 seria destruído durante a batalha final, e aqui vemos um C-3PO emocionado se despedindo de seu mais antigo amigo (porém, ele teria sido restaurado e trazido de volta à vida no final do filme).


Aqui temos mais um vislumbre da nova máscara que Kylo Ren usaria para cobrir seu rosto depois de ter sido terrivelmente marcado por uma arma Sith antiga no começo do filme.


Luke Skywalker apareceria na frente de seu sobrinho, e teria usado a Força para agarrar a lâmina do sabre de luz de Kylo Ren no que sem dúvida teria sido um momento poderoso na tela.


Ao perceber que a Primeira Ordem estava travando uma batalha perdida, o General Hux usaria um dos sabres de luz em sua coleção (seria roxo no filme) para cometer seppuku.


Aqui vemos claramente uma homenagem a Uma Nova Esperança, pois Leia teria gravado uma mensagem para enviar à galáxia, para que eles soubessem que poderiam se erguer e ajudar a Resistência a acabar com a Primeira Ordem de uma vez por todas.




Comentários