Comentários

Diferente do Guia de Leitura, a Biblioteca Básica é uma sessão em que você vai encontrar algumas das principais publicações de um personagem ou de uma série, para começar a se aventurar por suas histórias em quadrinhos. A Biblioteca Básica traz cinco quadrinhos que podem te ajudar a conhecer melhor o personagem e das histórias que fazem dele quem ele é. Vamos começar nossa jornada para compor a sua estante pelo Cavaleiro das Trevas, o Batman.


Antes de continuar: Participe do nosso grupo de Whatsapp e receba ofertas diárias de Quadrinhos com desconto. Para participar, basta clicar aqui!


BATMAN: ANO UM, DE FRANK MILLER E DAVID MAZZUCCHELLI

Qual a melhor forma de conhecer as motivações e as aventuras de um personagem do que começar pelo começo? Ano Um é o pontapé inicial no jogo do Cavaleiro das Trevas contra a escória de Gotham City e é contado de que forma Bruce Wayne escolheu o símbolo do morcego para sua marcha contra o crime. Além disso, conta com dois grandes artífices dos quadrinhos Frank Miller (300) e David Mazzucchelli (Asterios Polyp), que se reuniu originalmente para dar uma cara ainda mais sombria para as histórias do Demolidor. Eles não erram a mão aqui ao contar a origem do nosso soturno herói gothamita, tanto é que passado mais de trinta anos de seu lançamento, ela continua valendo como a principal fonte de acesso para os criadores que trabalham com as motivações do Batman. Encontre a HQ, clicando aqui!

BATMAN: O CAVALEIRO DAS TREVAS, DE FRANK MILLER E LYNN VARLEY

Novamente Frank Miller ataca na nossa lista, porque se ele conseguiu definir o passado do Batman com Ano Um, ao lado de sua ex-esposa nas cores, Miller definiu o futuro do Homem-Morcego com Batman: O Cavaleiro das Trevas. Essa HQ não é apenas um divisor de águas para o Batman, mas influenciou toda a indústria dos quadrinhos na forma como os super-heróis passaram a ser vistos e executados por seus criadores desde então. Eles se tornaram mais marrentos e cruéis, mais escusos e menos brilhantes, sempre rangendo seus dentes e com armas e armaduras gigantes como o Batman de Miller. Essa HQ também é famosa pelo conflito ensurdecedor entre Batman e um de seus maiores aliados, o Superman.  Encontre a HQ, clicando aqui!

ASILO ARKHAM: UMA CASA SÉRIA EM UM MUNDO SÉRIO, DE GRANT MORRISON E DAVE MCKEAN

Talvez seja uma coincidência, talvez não, mas o subtítulo da graphic novel Asilo Arkham tem a ver com a frase “Por que tão sério?”, que o Coringa faz no filme Batman: O Cavaleiro das Trevas. A verdade é que a loucura permeia a seriedade em excesso e a demasiada alegria, temperamentos que estão presentes nos mais insanos e maníacos detentos do Asilo Arkham, o manicômio de Gotham City. Nesta história, o Batman acaba preso com estes malfeitores dentro da casa de recuperação para criminosos insanos e a sua lucidez e perseverança acabam se confundindo e se mesclando com a insanidade e a perversidade daqueles que estão encerrados dentro das grades de um hospício. Estariam mais loucos aqueles que estão lá encarcerados ou aqueles que andam livres nas ruas praticando todo o tipo de ação? Essa é uma pergunta que o Batman precisará responder se quiser sair são de dentro deste asilo.  Encontre a HQ, clicando aqui!

BATMAN: A PIADA MORTAL, DE ALAN MOORE E BRIAN BOLLAND

Esta é uma das mais terríveis e macabras historias do Batman, escrita por um dos mais cultuados roteiristas de quadrinhos que é Alan Moore e desenhada por um dos maiores virtuoses do traço que é Brian Bolland. Dizem alguns que esta é a história definitiva da rivalidade entre o Batman e o Coringa, isso porque ela tenta traçar alguns paralelos entre os dois em que suas origens estariam interligadas, embora isso nunca se esclareceu como um cânone da longeva carreira do Homem-Morcego. Nesta história, depois de aleijar Barbara Gordon, a Batgirl, o Coringa sequestra o Comissário Gordon e leva-o a um parque de diversões onde ele é obrigado a assistir cenas em looping de sua filha sendo torturada pelo Coringa e seus comparsas. Cabe ao Batman, então, defrontar o Coringa talvez por uma última vez. Encontre a HQ, clicando aqui!

BATMAN: O LONGO DIA DAS BRUXAS, DE JEPH LOEB E TIM SALE
Durante um ano inteiro de seus primeiros passos na caçada contra o crime em Gotham City, o Batman encara um de seus mais difíceis casos. Um assassino serial vem trazendo mortes para a cidade e todas evidências indicam que o culpado é Harvey Dent (o futuro Duas-Caras), promotor público e amigo próximo de Bruce Wayne. Enquanto se envolve com tramóias de mafiosos, o Batman vai enfrentando, um a um, seus mais terríveis vilões, desde o Pinguim até a Hera Venenosa para entender quem é o culpado pelas mortes que estão deixando Gotham City em polvorosa. Os desenhos de Tim Sale, que veio da série animada dos anos 1990 do Batman são um deleite à parte já que sua narrativa privilegia os grandes quadros e uma narrativa mínima, deixando a ação e os suspense ainda mais afiados. Encontre a HQ, clicando aqui!



Comentários