Comentários

Jogos Roguelike são apaixonantes. Apesar de serem subestimados, eles garantem horas de muita alegria e diversão, desafiando obstáculos, aumentando a dificuldade e isso é exatamente o que você pode esperar de ToeJam and Earl: Back in Groove. O mais divertido é ver este universo de volta em uma nova geração de consoles, sem perder a estética dos anos 90.

ToeJam and Earl: Back in the Groove começa com um logo brilhante e colorido antes de introduzir nossos heróis e mostrar uma história muito bem animada. A história começa com ToeJam e Earl pilotando o Foguete RapMaster que eles ‘pediram emprestado’. Enquanto se aproximam da Terra, Lwanda comenta o quão sileciosa está a viagem, o que dá espaço para o som característico dos personagens. O ponto é que no meio da bagunça, eles ativam o gerador de Buraco Negro, desmanchando o foguete e aí que a aventura começa.

Apesar do gênero, ToeJam e Earl: Back in the Groove é simples de aprender e fácil de começar e também para jogar vários períodos de tempo. Você precisa coletar todas as peças da nave sem limite de tempo. Isso te dá a liberdade e tempo para jogar no seu ritmo com a habilidade de salvar a qualquer momento, em qualquer lugar. Você começa em uma pequena ilha como no primeiro jogo, onde existem alguns presentes aleatórios para te dar uma mão no começo. Além disso, cada alienígena que você começa (6 no começo com 3 para serem desbloqueados) tem seus próprios atributos, presentes e habilidades passivas.

Os presentes são habilidades aleatórias ou itens dados para você através de NPCs, de balançar árvores, de exploração e coisas do tipo. Alguns inimigos tentarão roubar seus presentes e, algumas vezes, seus presentes serão a única forma de reagir. O verdadeiro desafio é coletar as 10 peças do Rapmaster Rocket sem abrir nenhum presente.

Durante o jogo, você terá cenas hilárias, cativantes e interessantes. Se você for rápido, logo você abrirá o modo ‘Random’, onde a dificuldade é bem maior. Você encontrará inimigos maiores e melhores, mais desafiadores. O jogo é melhor aproveitado no multiplayer com amigos, na verdade, eu diria que a experiência do jogo é totalmente diferente ao lado de alguma pessoa, permitindo que até 4 jogadores se unam no mesmo objetivo de achar todos os tesouros e presentes de cada nível. É legal ver como este jogo tem similaridades com o game original, mas potencializando toda a experiência.

Os gráficos são simples e bem animados, tentando manter a beleza existente nos anos 90. O menu principal é brilhante e vai te trazer algumas lembranças engraçadas. A opção de manter a estética foi um grande acerto artístico.

A trilha sonora é fenomenal e a batida é capaz de causar um sentimento relaxante e tranquilo. O som se encaixa perfeitamente na proposta do jogo e os efeitos são inesquecíveis, eu diria que a escolha é bem sólida e ajuda na imersão do game.

Veredito

ToeJam e Ear: Back in the Groove é um dos jogos mais divertidos do ano. É um game que mexe com a nostalgia e foi perfeitamente recriado para manter o sentimento de quem jogou nos anos 90. É aquele tipo de jogo que você passa horas jogando com seus amigos e não quer mais parar. Os controles são simples o bastante para aprender em poucos segundos e o melhor é que ele está disponível nas mais diversas plataformas. Recomendado!


Veja também:


Comentários